No Cisco Unified Computing o hardware é completamente desassociado do sistema operacional que é instalado sobre ele. O perfil de hardware de um sistema operacional pode ser movido de um servidor para outro em apenas 6 minutos. Isso é possível graças a abstração de recursos, tais como endereço MAC, WWN, UUID, versões de firmware e BIOS, feito usando o conceito de Service Profiles. Esse modelo de computação stateless facilita a escalabilidade e pode ser usado em conjuto com a virtualização de sistemas operacionais para atingir máxima utilização do Data Center.

 

Anúncios